19 de novembro de 2021

É o inverno a chegar [Crónicas de Svendborg #42]

 [As fotos têm precisamente um ano. As quadras também. Eu, embora sendo do sul da Europa, não me queixo da escuridão; mas há muita gente daqui que se queixa...]

Está a doca já vazia, 
tem um outro azul o mar. 
Chega às quatro o fim do dia: 
é o inverno a chegar… 

Caem as folhas e o céu 
tem outro azul, como o mar. 
Às cinco, já escureceu: 
é o inverno a chegar…










2 comentários:

jj.amarante disse...

Tenho um filho que fez o Erasmus na DTU em Lyngby no 1º semestre apanhando Outono e Inverno e um dia, depois duma noitada mais prolongada em Copenhaga, acordou só às duas ou três da tarde e se o Sol não se tinha posto os candeeiros públicos já estavam acesos como se fosse noite.

V. M. Lucas Lindegaard disse...

E não estamos muito a norte. Imagine se fosse mesmo no Norte. Passei um Natal em Haparanda e não me lembro de ter visto dia claro. Mas no verão é ao contrário e tudo somado, o tempo de dia é o mesmo em todo em lado. Vivi vários anos nos trópicos e senti a falta das longas noites de verão.